País se prepara para eventuais emergências de saúde pública durante a Copa das Confederações

copa das confederações(2)A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e os órgãos de vigilância em saúde das seis cidades-sedes estão preparados para responder a eventuais emergências de saúde pública durante o evento da Copa das Confederações. Esta foi a avaliação do diretor da ANVISA, Dirceu Barbano, acerca do planejamento desenvolvido pelo Sistema Nacional de Vigilância Sanitária para a competição que se inicia neste sábado (15/06) e vai até o próximo dia 30/06.

Segundo Dirceu, durante o processo de preparação, foram promovidas diversas visitadas as cidades-sedes e, paralelamente, cada uma destas elaborou seu plano específico para assegurar, do ponto de vista sanitário, o bom andamento deste evento de massa. Dentre as ações realizadas, destaca-se a definição de hospitais de referência em cada localidade. “São serviços preparados para receber e prestar toda assistência necessária às pessoas que apresentarem problemas de saúde durante o evento”, explicou o diretor.

Por outro lado, equipes de saúde locais também realizaram inspeções sanitárias em grande parte da rede de hotéis e restaurantes das cidades-sedes. Tais equipes estarão ainda de prontidão nos estádios, durante os jogos, para atender qualquer situação que envolva risco sanitário.

Em relação a preparação, a ideia principal foi ampliar a capacidade de monitoramento e resposta rápida, de maneira coordenada e efetiva, aos eventos de interesse em saúde pública.

Outra ação que merece destaque foi a criação dos Centros de Operações Conjuntas da Saúde. “Esses centros vão reunir autoridades das diversas áreas da saúde e irão monitorar, em tempo real, qualquer situação que exija uma intervenção imediata”, explica a Gerente Geral de Alimentos da ANVISA, Denise Resende. Os centros estarão em funcionamento em todas as cidades-sedes, incluindo um centro nacional em Brasília, coordenado pelo Ministério da Saúde (MS). “Esses centros vão permitir que os órgãos de saúde trabalhem de forma articulada e rápida durante a realização dos jogos”, afirmou a gerente.

Paralelamente, foram elaborados planos de contingência para atender emergências de saúde pública nos aeroportos das cidades-sedes, segundo informou o Gerente Geral de Portos, Aeroportos e Fronteiras da ANVISA, Paulo Cury. Para cada cidade, o plano reúne orientações e procedimentos recomendados em situações de emergência, acidentes e eventos relacionados à saúde. “O plano está focado nas situações de doenças transmissíveis nos pontos de entrada do País, explicou Cury.

Na prática, o plano tem como foco evitar a introdução de doenças transmissíveis nos pontos de entrada do País, tendo em vista a grande circulação de pessoas oriundas das mais diversas partes do mundo. O texto prevê ainda a atuação em situações relacionadas a acidentes químicos e biológicos, entre outros, uma vez que nestas ocorrências é preciso haver a atuação de diversos órgãos, de maneira coordenada, tanto da área da saúde como de segurança pública.

A Copa das Confederações será realizada nas cidade de Brasília (DF), Fortaleza (CE), Recife (PE), Salvador (BA), Belo Horizonte (MG) e Rio de Janeiro (RJ). Em cada uma destas, o plano inclui orientações e procedimentos que devem ser adotados em situações de emergência e eventos relacionados à saúde, em conformidade com as diretrizes da OMS. O trabalho é fruto ainda de experiências acumuladas na atuação em portos, aeroportos, fronteiras e demais recintos alfandegados, diante de situações que porventura oferecem risco à saúde.

Até semana que vem,

Equipe CIEVS RIO.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s