Chip criado por cientistas americanos identifica câncer com precisão

20131121092706524411eDispositivo criado por cientistas dos Estados Unidos detecta, por meio da análise de um líquido extraído dos pulmões, a presença de tumores malignos. Especialistas ressaltam que a tecnologia não funciona na etapa inicial da doença.

Rapidez e aperfeiçoamento. Esses foram os objetivos que levaram pesquisadores da Universidade da Califórnia (UCLA), em parceria com a Universidade de Harvard, a desenvolverem uma tecnologia que otimizasse um exame cada vez mais frequente nos consultórios médicos: o de diagnóstico de cânceres. A análise do líquido pleural (fluido extraído do pulmão) é uma estratégia comum nas abordagens oncológicas. Mas ela é feita por um citologista e, quase sempre, precisa ser repetida para a confirmação do resultado. Os cientistas americanos criaram um chip que pode tornar esse processo mais “matemático”.

“A vantagem desse chip é que ele não precisa das etapas habituais para se chegar ao diagnóstico do câncer. Normalmente, a identificação do tumor precisa ‘manchar’ as células (com produtos químicos ou anticorpos) durante o exame microscópico feito por citologistas treinados. Com esse chip, reduzimos esse trabalho”, explica Ianyu Rao, professor do Departamento de Patologia e Epidemiologia da Universidade da Califórnia. O novo dispositivo, detalhado hoje na revista, Science Translational Medicine, também encontra células cancerígenas que são dificilmente detectados no exame tradicional.

O novo dispositivo eletrônico utiliza uma tecnologia que vem sendo bastante explorada em exames oncológicos, a deformability cytometry, que garante uma análise detalhada das células. O chip possui pequenos canais transparentes que deixam as células do câncer, difíceis de serem identificadas, mais evidentes. Uma câmera de alta velocidade também auxilia nesse processo. “O diagnóstico pode ser utilizado para todos os tipos de câncer. Só precisamos usar o líquido. Nenhum órgão e nenhuma amostra de tecido são necessários”, frisa Rao.

A análise do líquido pleural faz parte de uma série de exames utilizados para detectar o câncer. Fazem parte também do procedimento a biópsia, que retira cirurgicamente o tecido a ser analisado, a endoscopia, a radiografia, o ultrassom, exames de sangue, entre outros.

Até semana que vem,

Equipe CIEVS RIO.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s