Escolas vão vacinar meninas de 11 a 13 anos contra HPV a partir de 10 de março

Folder HPV

A primeira campanha de vacinação gratuita contra o vírus do HPV, que começa em 10 de março, vai contar com o apoio de escolas públicas e privadas de todo o país. Além de participarem de campanhas de esclarecimento sobre a importância da imunização contra uma família de vírus responsável por mais de 70% dos casos de câncer de colo de útero, um dos mais comuns e letais no Brasil, as unidades de ensino vão receber as equipes das secretarias municipais de Saúde responsáveis pela vacinação.

“A mobilização das escolas é importante para aumentar a cobertura vacinal. Adiantamos o calendário para o começo do ano letivo para que haja tempo para a sensibilização da comunidade e dos pais, que devem autorizar a aplicação da vacina”, disse o ministro da Saúde, Alexandre Padilha. Ele lembrou que desde o final dos anos 1970 as escolas não eram incluídas em campanhas como essa.

Neste ano serão vacinadas meninas de 11 a 13 anos. Em 2015, as de 9 e 10 anos. Cada uma receberá três doses, sendo a segunda aplicada seis meses depois da primeira. A terceira, para prolongar o efeito protetor, é dada cinco anos depois da primeira dose. De acordo com o ministério, a estratégia segue recomendação da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), que se baseia em estudos científicos que comprovam maior resposta imunológica e maior proteção contra o vírus. O objetivo é vacinar 80% desse público.

“Segundo estudos a eficácia da imunização é maior antes do início da atividade sexual. E nessa faixa etária a média das meninas brasileiras ainda não teve contato sexual. Combinando isso com a maior cobertura que teremos com a vacinação nas escolas, conseguiremos reduzir a infecção pelo HPV, inclusive nos homens, e, no futuro, diminuir a incidência de câncer de colo de útero e mortalidade”, ressaltou Padilha.

A aplicação de todas as doses da vacinação será monitorada pelo Ministério da Saúde, que implementará ações de busca ativa de meninas que deixarem de comparecer para tomar a segunda e terceira doses. Haverá ainda avaliação do impacto da vacinação na redução da infecção pelo HPV, na incidência do câncer de colo uterino e na mortalidade pela doença.

Cada prefeitura vai definir e anunciar o calendário de vacinação, que será mantida também nos postos de saúde. Nas clínicas particulares, as três doses da vacina custam em média R$ 1 mil.
A divulgação da campanha contará com cartilhas, folders e um filme que será veiculado na TV, cuja mensagem principal é que, apesar de cada menina ter seu jeito diferente, todas têm em comum a necessidade de proteção contra o câncer de colo de útero.

vacina-hpvFamília HPV
A vacina que passa a integrar o Programa Nacional de Imunizações é a quadrivalente, que assegura eficácia contra quatro tipos de vírus da família HPV (6, 11, 16 e 18). São os de número 16 e 18 os causadores de lesões cancerígenas, aos quais estão associados mais de 70% dos casos de câncer de colo uterino.

Terceiro tumor mais comum entre as mulheres brasileiras causou a morte de 5.160 mulheres no Brasil em 2011. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), todo ano surgem 17.540 novos casos da doença no país, a maioria nas regiões Norte e Nordeste e em localidades mais pobres dos centros mais ricos. Em todo o mundo, a doença causa 270 mil mortes.

Segundo o Inca, cerca de 25% das brasileiras estão infectadas com algum tipo de HPV. As mais suscetíveis são as mais jovens, que iniciam a vida sexual cada vez mais cedo, e aquelas na pós-menopausa. Cerca de 80% das mulheres serão infectadas pelo menos uma vez ao longo da vida. Conforme a Organização Mundial da Saúde (OMS), em todo o mundo 291 milhões de mulheres são portadoras de algum sorotipo do vírus, e 32% delas com os tipos 16, 18 ou os dois ao mesmo tempo.

Até semana que vem,

Equipe CIEVS RIO.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s