Chikungunya no Brasil

Atualização sobre situação epidemiológica dos casos de Chikungunya em Feira de Santana na Bahia.

 

Segundo informações do boletim epidemiológico elaborado pela Secretaria Municipal de Saúde de Feira de Santana entre as SE 28 e 39 (06/07 a 04/10/2014), foram notificados 762 casos suspeitos de chikungunya, destes 19 foram confirmados laboratorialmente, 137 confirmados por critério Clínico e Vínculo epidemiológico, 15 casos descartados por laboratório, 06 casos descartados por critério clínico e vínculo epidemiológico, 585 continuam em investigação. As semanas epidemiológicas 35, 36, 37, 38, 39 e 40 concentraram 84,12% (641) do total de casos suspeitos para o período.
Na Semana Epidemiológica 36 (05/09/2014), o município de Feira de Santana/BA notificou a ocorrência de casos com sintomatologia semelhante à febre do chikungunya. Após investigação de campo e visita domiciliar, foi observado o relato recorrente de pessoas apresentando febre acompanhada de dores articulares e mialgia.
Os 762 casos suspeitos com informações clínicas, apresentaram artralgia, cefaleia, mialgia, exantema, edema e prurido. Os casos suspeitos estão concentrados na faixa etária de 35 a 49 anos com 221 (29,%), seguida da faixa etária 20 a 34 anos com 200 (26,24%) e na faixa etária de 50 a 64 anos com 122 (16,01%). O sexo feminino predomina com 501 casos (65,74%) e masculino com 261 (34,25%).
Algumas medidas estão sendo adotadas como:

  • Elaboração e divulgação do Boletim Epidemiológico semanal sobre Chikungynya;
  • Acompanhamento e monitoramento de todos os casos notificados nos Bairros visando detectar precocemente o início da transmissão do chikungunya;
  • Capacitação dos profissionais de saúde dos Estabelecimentos de Saúde e Policlínicas;
  • Reuniões semanais com a participação dos diversos setores da Secretaria de Saúde
  • Tratamento focal e perifocal, em todos os dias da semana, dos casos suspeitos de Chikungunya;
  • Bloqueios com bomba costal sendo realizados com três ciclos para casos suspeitos de Chikungunya e um ciclo para casos suspeitos de dengue sinalizados pelo mapa monitorado no Georeferenciamento;
  • Realização de Ações de Educação em Saúde na Comunidade.

Em 03/10/2014, foram confirmados 156 casos de chikungunya residentes no município de Feira de Santana. Estes casos não relatam viagem a países com transmissão da doença, sendo considerados casos autóctones.Os casos hospitalizados já receberam alta hospitalar, e não há registro de óbito até o momento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s